Quer investir em bitcoins? Veja essas 6 formas de levantar dinheiro para isso!

O mercado de Criptomoedas, entre as quais o Bitcoin é a mais famosa, vem crescendo muito ao longo dos anos, deixando de se tornar uma aposta de risco como muitos especialistas pensaram por algum tempo, para se tornar um meio de circulação financeira e de pagamentos ágil e de custo muito menor e uma boa alternativa de investimento.

Dois objetivos norteiam a decisão das pessoas para ter Bitcoin:

  • É um ativo que, por suas características, em especial a disponibilidade, se torna um opção de investimento interessante. O nível de interesse do mercado de usa-la como forma de pagamento vai aumentar a valorização.
  • Como o Bitcoin não tem regulação dos sistemas financeiros e imposição de taxas (a própria taxa de compra dele é muito baixa), as transferências de valores e pagamentos ficam mais baratos – nenhuma das partes tem custo.

Com toda esta atratividade, vale a pena investir no mercado de Bitcoin.

Porém, apesar de ser uma moeda divisível em partes muito pequenas – não precisamos comprar 1 Bitcoin, podemos comprar décimos e até centésimos – os valores das partes não são pequenos quando falamos do nosso dia a dia, com tantas contas para pagar e economias ainda em Real para os projetos de curto e médio prazo.

Então, como podemos investir em bitcoins, apostando na rentabilidade crescente deles, sem sacrificar o orçamento?

Mas antes, uma breve história: você conhece os Bitcoins?

Os bitcoins, nome famoso e assumido por todos para falar de criptomoedas, são moedas totalmente digitais. Não há circulação física deles no mercado. Por outro lado, também não há a movimentação através de contas bancárias e fundos de investimento tradicionais.

Por estas afirmações, percebemos a revolução monetária e financeira que as criptomoedas estão e ainda vão provocar por muito tempo.

Hoje em dia, alguns países como o Japão e a Austrália já aceitam a existência das criptomoedas como meio de pagamento, o que provocou o uso delas em milhares de estabelecimentos.

A forma de geração é digital, em supercomputadores que, aos poucos, vão liberando unidades para ser transacionadas em um sistema chamado blockchain com os recursos mais avançados de criptografia.

É uma moeda digital, com altíssimo nível de segurança.

1 – Quer investir em bitcoins? Venda produtos digitais!

Todos nós, mesmo aqueles que não tem experiência com meios e comunicação digital, temos um conhecimento que pode gerar valor. Anos de experiência profissional, muito estudo, aí podem estar as oportunidade de vender produtos digitais e fazer receita para investir em bitcoins.

Você tem autoridade em montagem de móveis? Organização documental? Por que não criar um curso ou um e-book? É uma atividade que você pode fazer nos horários disponíveis e finais de semana e gerar uma renda permanente que você direciona para investir em bitcoins.

 

2 – Quer investir em bitcoins? Desapegue-se!

Após tantas décadas de consumo – e às vezes de consumismo – já paramos para pensar em quanta coisa deixou de ser útil  – ou nunca foi – em casa ou no escritório?

As trocas de aparelhos hoje em dia são muito rápidas para acompanhar as tecnologias, então é comum termos alguns que podem render um bom valor. Além de outros objetos, como roupas, móveis, utensílios que ficam encostados gerando poeira, mas podem virar uma bela receita para investir em bitcoins.

Existem sites de venda online bastante conhecidos, com muitos recursos que dão praticidade e segurança para as vendas – hoje em dia é comum comprar até veículos nestes sites e parcelar compras no cartão.

3 – Quer investir em bitcoins? Venda produtos importados!

Sem dúvida, uma das atividades mais interessantes e lucrativas. Os artigos importados são muito procurados pela variedade de opções, qualidade superior, para obter itens mais modernos.

A gama de produtos é muito grande: eletrônicos, eletrodomésticos, cosméticos, perfumaria, vestuário, calçados, equipamentos de informática, programas e até produtos digitais.

Podemos trabalhar com venda de produtos importados em um negócio digital, home office e com isso ter um custo muito menor que as lojas. Isto representa um preço final menor.

E sua base de clientes começa de forma natural. Importar produtos para familiares, amigos e colegas é uma ótima forma de escalar inicialmente, ganhar confiança e ser recomendado. O fundamental no começo – e a um custo muito bom – é qualificar-se para o mercado. Conheça a academia do importador e saiba como.

4 – Quer investir em bitcoins? Seja um Freelancer!

Você tem competências e habilidades e elas podem ser vendidas de forma autônoma e sem prejudicar a sua ocupação principal.

Inúmeros trabalhos digitais, consultorias, assessorias, montagens, reparos, este é um segmento sem limites para quem deseja vender suas habilidades, pois sempre existe alguém precisando contrata-las.

Hoje em dia temos diversos sites de freelancers, onde podemos buscar trabalhos e fazer dinheiro rápido.

5 – Quer investir em bitcoins? Seja um cliente oculto!

Esta é uma prática cada vez mais comum no dia a dia, os clientes ocultos, que atuam em duas linhas:

Você pode se associar a um site e se candidatar a testar lojas e produtos em todos os seus aspectos, da decoração e conservação à qualidade dos produtos, atendimento, preço.

Em outra forma, você pode se associar a sites que testam sistemas e aplicativos de clientes, quanto à funcionalidade e se atende o objetivo de forma confortável e atraente.

As inscrições são gratuitas e você recebe por cada teste entregue e validado – existem condições para se associar, exigência de equipamento e um teste para se habilitar ao uso da plataforma e candidatar-se aos testes.

 

Gostou deste artigo? Esperamos que ele ajude você a escolher formas lucrativas para levantar dinheiro e investir em bitcoins.

Sucesso!

 

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *